Brasília -
loader-image
Brasília, BR
2:06 am,
temperature icon 21°C
céu limpo
Humidity 88 %
Wind Gust: 0 Km/h
16 de abril de 2024 - 2:06h
Parceiros
Brasília - 16 de abril de 2024 - 2:06h
loader-image
Brasília, BR
2:06 am,
temperature icon 21°C
céu limpo
Humidity 88 %
Wind Gust: 0 Km/h
Parceiros
#compartilhe

A CPI da Petrobras vai começar literalmente a todo gás, mirando sobrepreços praticados pelo governo da Bolívia com o Brasil. Evo Morales aproveitou a amizade com Lula e Dilma para inflacionar contratos. A Usina Térmelétrica de Araucária (PR) foi obrigada a contratar por US$ 23 dólares por milhão de BTUs o gás boliviano, enquanto o preço do mercado oscila entre US$ 4 a US$ 7. A Bolívia passou a cobrar caro o gás vendido para térmicas do Brasil –  US$ 11 dólares por milhão de BTUs. Além disso, ganha um bônus de US$ 400 milhões por ano pelo chamado ‘gás com componentes ricos’.

Que riqueza… Esse gás de componentes ricos, ou gás líquido, é pago sem qualquer cláusula contratual que obrigue o Brasil a fazer a compensação pela não separação já nos poços bolivianos.

Apropriação. Vale lembrar que Evo Morales estatizou uma refinaria da Petrobras na Bolívia, sem reação do então presidente Lula. Na gestão FHC, o gás era vendido a US$ 1.

Pro$pecção. A maioria dos contratos de venda de gás boliviano para a Petrobras e outras estatais expira em 2019. Evo tentará se reeleger em Outubro deste ano e tenta adiantar contratos.