Now Reading:
Ação Penal no STJ enquadra figurão da Justiça do Rio

Ação Penal no STJ enquadra figurão da Justiça do Rio

Uma ação penal (nº 711) que corre em segredo no Superior Tribunal de Justiça desde Setembro cai como bomba em figurão da Justiça fluminense e tira o sono de procuradores e juízes. Todos são réus denunciados por agressão verbal a uma advogada dentro da Lei Maria da Penha. Ela pede indenização de R$ 100 milhões a L.R.B., o principal réu, e diz ter gravações de reunião em que foi insultada pelo grupo. O caso está com a ministra Eliana Calmon, em vistas no Ministério Público.

DATA VENIA?! A vítima é a advogada M.M.C.B., que, segundo denúncia, foi insultada, difamada e injuriada durante, segundo relata, audiência num tribunal em Maio de 2012.

PERSEGUIÇÕES. A advogada cancelou registro na OAB. Pretende deixar o país. Em seu site pessoal, acusa o grupo de perseguição. Mas recai sobre ela suspeição de mania de perseguição.

A PROVA? As gravações, segundo a vítima, estão de posse de um cartório criminal do tribunal. Houve pedido para apreensão da fita. A vítima está incomunicável.

A ORIGEM. A ação teve origem no Juizado Especial Criminal de Botafogo, no Rio, onde, em consulta da coluna, funcionário relatou ‘perturbação à ordem e tranquilidade’.

1 comment

  • pastor TUPIRANI

    VIVEMOS HOJE UMA SELVAGERIA JURIDICA(QQUER HORA O SISTEMA NAO COMPORTA MAIS),QUALQUER BABACA QUE NAO TEM HONRA NEM DIGNIDADE, QUE NAO FOI ENSINADO DESDE CRIANCA A TER POSTURA E HONRARR O GEN DE MACHO OU FEMEA, SEMPRE QUE VE SEUS INTERESSES CONTRARIADOS E NAO CONSEGUEM COMBATER, APELAM LOGO PARA A SELVAGERIA JURIDICA….COMO SE ISTO NAO ESTIVESSE PROXIMO DO FIM.
    TUPIRANI, O UNICO.

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Input your search keywords and press Enter.