Brasília -
loader-image
Brasília, BR
6:35 pm,
temperature icon 24°C
céu limpo
Humidity 60 %
Wind Gust: 0 Km/h
23 de maio de 2024 - 18:35h
Parceiros
Brasília - 23 de maio de 2024 - 18:35h
loader-image
Brasília, BR
6:35 pm,
temperature icon 24°C
céu limpo
Humidity 60 %
Wind Gust: 0 Km/h
Parceiros

Apoio das Frentes Evangélicas e Rural à Bolsonaro indica ocaso de Alckmin

Foto: Sérgio Lima/Poder 360
#compartilhe

O anúncio do apoio da Frente Parlamentar Agropecuária à campanha de Jair Bolsonaro (PSL) escancara o abandono dos partidos do chamado Centrão à candidatura de Geraldo Alckmin (PSDB). Com atuação na Câmara e no Senado, a Frente é formada por 260 parlamentares. A grande maioria pertence a legendas do PSDB, PP, DEM, PTB e PSD.

Alguns destes vêm da frente suprapartidária de apoio a Bolsonaro, lançada por ele há dois meses, na Câmara Federal. Muitos são de partidos que têm candidatos ao Planalto.

A via Bolsonaro foi pavimentada pela presidente da Frente, deputada Tereza Cristina (DEM-MS), que chegou a ser cotada para vice de Alckmin. Durante almoço com parlamentares da Frente, há um ano, Bolsonaro disse que, caso seja eleito, entregará o Ministério da Agricultura de “porteira fechada” para o setor indicar técnicos. E vai fundir a pasta com Meio Ambiente, vista como entrave em muitos projetos.

Em nota, o presidente da Frente Parlamentar Evangélica (FPE), Deputado Takayama, também oficializou apoio à candidatura de Bolsonaro. Com 199 deputados e quatro senadores, o grupo acredita que é o nome mais adequado para lutar pelas pautas defendidas pela bancada.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.