Now Reading:
Campos ferido a canetada

Mal foi ao ar o programa de TV do PSB que oficializou a pré-candidatura de Eduardo Campos ao Planalto, a presidente Dilma Rousseff começou a usar o poder e a caneta para enterrar articulações de palanques do potencial adversário. Aliados do socialista começam a refugar. Campos partiu para a última tacada: negocia com ‘nanicos’ e tenta convencer nomes do PSB a se lançarem ao governo para lhe darem palanque. Mas, amarrados a aliados locais, muitos preferem compor para o Senado ou Câmara.

EXCEÇÕES. Nem todos entregaram os pontos. As exceções são o senador Rollemberg (DF), que deve se candidatar, e os cinco governadores do PSB que se elegeram em 2010.

Leia a íntegra da coluna nos jornais (ao lado)

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Input your search keywords and press Enter.