Now Reading:
Com atentado, rivais preservam Bolsonaro

Há meses Jair Bolsonaro (PSL) faz uma oração ‘dos tempos de guerra’ à noite, indicação de um amigo partidário do Paraná que previu que corria risco de atentado.

“Meu Jesus crucificado, filho da virgem Maria. Guardai-me esta noite e amanhã por todo o dia! Que meu corpo não seja ferido, nem meu sangue derramado, nem por faca nem por chumbo, Oh meu Jesus ressuscitado!”

Trégua

Por alguns dias, Bolsonaro conseguiu que todos os rivais candidatos parassem de falar (e mal) dele. Alckmin (PSDB) retirou da propaganda da TV os ataques indiretos.

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Input your search keywords and press Enter.