Now Reading:
Combater a corrupção é fundamental

Por Alvaro Dias, senador 

  Não há nada mais importante, neste momento vivido pelos brasileiros, do que o combate    implacável à corrupção, um mal cujas  consequências são, infelizmente, incalculáveis. A  Transparência Internacional, que tem sede em Berlim, na Alemanha, elabora um ranking    enumerando os países mais corruptos do mundo em que, dramaticamente, o Brasil ocupa  sempre um lugar de destaque entre os países mais corruptos.  Com a corrupção, o nosso País  desperdiça oportunidades preciosas de geração de emprego,  renda, receita pública, enfim, de  desenvolvimento econômico. Se tivéssemos índices de  corrupção semelhantes aos da  Dinamarca, a nossa renda per capita seria 70% maior do que é hoje.

A última avaliação da Transparência Internacional dá conta de que 26% da movimentação de corrupção em todo mundo está localizada, exatamente, no Brasil. O prejuízo estimado é de R$ 70 bilhões por ano para o nosso País, o equivalente a 2,3% do nosso Produto Interno Bruto.

Enfim, como não combater a corrupção? Como alguém pode afirmar não ser esta luta uma prioridade de um mandato parlamentar, especialmente na oposição?

No atual governo, seis ministros já pediram demissão depois de denúncias de corrupção. Em todos os casos, a oposição cobrou investigação e responsabilização civil e criminal dos envolvidos. Tenho repetido à exaustão que a causa primeira dos escândalos é o loteamento dos cargos da administração direta, indireta, autárquica e fundacional entre os aliados do Governo. São 14 partidos da base aliada disputando posições e fabricando escândalos.

Esse modelo espúrio estabelece a relação de promiscuidade entre o Executivo, o Legislativo, partidos políticos, ONGs e empresas, em complexo esquema de desvio do dinheiro público. Padrinhos e seus indicados, que ocupam hoje os lotes distribuídos pelo Governo Dilma Rousseff, puxam pra baixo a qualidade da gestão, abrindo as portas para a corrupção.

É por essa razão que nós vamos persistir, que seremos incansáveis; e teremos de arcar com as consequências de interpretações às vezes equivocadas.A oposição tem o dever de promover todas as ações possíveis para o exercício do seu mandato, para o cumprimento da sua missão.Está mais do que provado que a corrupção contamina a economia do Brasil e impede nosso crescimento, e combatê-la deveria ser a prioridade máxima do governo.

Como Ulysses Guimarães afirmava, “para um governante não basta não roubar. É preciso não roubar, combater a corrupção e impedir que roubem”. Não é encenando faxinas ou trocando seis por meia dúzia nos ministérios que este governo acabará com acabará com a chaga da corrupção no País.

Senador Alvaro Dias, Líder do PSDB

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Input your search keywords and press Enter.