Now Reading:
Consórcio do aeroporto de Viracopos pede socorro à Infraero

Consórcio do aeroporto de Viracopos pede socorro à Infraero

Mal assinou o contrato para administrar o Viracopos, em Campinas, e Aeroportos do Brasil – consórcio da Triunfo Participações, UTC Engenharia e Egis – vai terceirizar as operações para a… Infraero, a estatal que cuidava do terminal. A concessão permite acordos operacionais com quaisquer empresas com know-how. Mas o consórcio municia a presidente Dilma nas críticas ao modelo de concessão que avalizou, pela falta de experiência das empresas vencedoras também em Cumbica e JK (Brasília).

A Aeroportos Brasil acaba de pedir ao BNDES R$ 933 milhões para financiar as obras previstas de R$ 1,4 bilhão até a Copa. O empréstimo é autorizado pelo governo.

O consórcio ‘avalia a possibilidade de utilizar, por um período determinado, alguns dos sistemas de TI atualmente adotados pela Infraero’, diz nota, até que o seu fique pronto.

O sistema de TI envolve toda a operação do terminal. Fontes do setor não descartam que o consórcio de Viracopos também contrate a Infraero para operações de pista.

Quem segura o consórcio de Viracopos é a UTC, do empreiteiro Carlos Suarez, ex-OAS. Suarez queria entrar sozinho na disputa, mas se aliou à francesa EGIS.

Leia a íntegra da coluna nos jornais (ao lado)

 

 

 

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Input your search keywords and press Enter.