Now Reading:
Crivella no Esporte – Parte II

O controle do Ministério do Esporte pelo senador Marcelo Crivella foi tratado há pouco mais de um mês, quando a presidente Dilma recebeu o governador do Rio, Luiz Pezão, e o prefeito Eduardo Paes, ambos do PMDB, e pediu a eles um nome do Rio para o cargo, como revelou a Coluna.

Pezão e Paes tentaram emplacar um peemedebista; Dilma insistiu que fosse Marcelo Crivella, mas sob consenso. O PMDB então retirou-se da escolha.

Crivella assumiria o cargo, mas para evitar crise na base governista do Planalto no Rio – e isso inclui o governo e a prefeitura -, escolheu um nome neutro, o deputado por Minas George Hilton, do PRB.

A estratégia do senador é atuar nas articulações com a força da vitrine para se lançar a prefeito do Rio – o que não poderia fazer no cargo de ministro.

Olimpíadas

Até os estagiários do protocolo da pasta sabem quem vai mandar no ministério do Esporte. A pasta ganhará notoriedade e será uma das principais até 2016, com os Jogos.

Promoção

Com a promoção do Ministério da Pesca para o Esporte, o PRB e sua bancada – que dobrou na Câmara nesta eleição – entraram para os aliados top da presidente Dilma.

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Input your search keywords and press Enter.