Brasília -
loader-image
Brasília, BR
3:31 pm,
temperature icon 25°C
céu limpo
Humidity 33 %
Wind Gust: 0 Km/h
13 de julho de 2024 - 15:31h
Parceiros
Brasília - 13 de julho de 2024 - 15:31h
loader-image
Brasília, BR
3:31 pm,
temperature icon 25°C
céu limpo
Humidity 33 %
Wind Gust: 0 Km/h
Parceiros

Dilma, o Papa e a operação abafa

#compartilhe

A despeito da escolha do novo Papa, não será surpresa se a presidente Dilma Rousseff não for a Roma para sua posse. Em 2010, ficaram abaladas as relações dela com o Vaticano, quando o papa Bento XVI, a poucos dias da eleição, pediu à Igreja no Brasil que combatesse ideias sobre aborto. À época, posições contraditórias da petista causaram polêmica nas comunidades cristã e neopentecostal. Numa emergência, em três dias os senadores Crivella (PRB-RJ) e Magno Malta (PR-ES) viajaram no jatinho do ex-vice José Alencar e visitaram capitais para acalmar líderes religiosos e pastores.

ABAFA. A operação de resgate de imagem foi paga pela pelo PT e contou com os dois senadores evangélicos, em visitas para convencer religiosos de que Dilma era contra o aborto.

ABAFA 2. Junto à Conferência Nacional dos Bispos do Brasil, que se posicionou com ceticismo quanto a Dilma, trabalhou o católico Gilberto Carvalho, que apagou o incêndio.

UMA SAÍDA. Dilma pode ter uma justificativa. A posse do futuro Papa é bem próxima à visita do novo pontífice ao Rio, em Julho, para a Jornada Mundial da Juventude.

Leia a íntegra da coluna nos jornais (ao lado)

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.