Now Reading:
Ferve sessão de análise do Veto dos Royalties. Deputados se estranham

Ferve sessão de análise do Veto dos Royalties. Deputados se estranham

Atualização, Quarta, 17h38 – Com plenário da Câmara lotado, sem espaço para muitos passos, a sessão do Congresso Nacional ferveu na tarde desta quarta-feira em Brasília.

Em pauta, o veto da presidente Dilma Rousseff ao projeto de lei do Senado aprovado, que redistribui os royalties da exploração do petróleo. Dilma vetou parágrafos que definiam a repartição para os contratos atuais – beneficiando principalmente Rio de Janeiro e Espírito Santo -, mas os congressistas, por pressão dos governadores e prefeitos dos outros 25 entes federados, devem derrubar o veto. A decisão ficou para terça-feira que vem.

Governadores como Rosalba Ciarlini, do Rio Grande do Norte, e Cid Gomes, do Ceará, estão em plenário acompanhando a votação.

A situação é tão tensa que há parlamentares se estranhando verbalmente e literalmente. Além dos gritos nos microfones dos prós e contras à derrubada do veto, os deputados Anthony Garotinho (PR-RJ) e Ronaldo Caiado (DEM-GO) trocaram empurrões atrás da Mesa Diretora.

Tudo indica que, pela força da maioria, o veto cai e a prevalecerá a decisão soberana do Congresso sobre a questão, e valerá o projeto aprovado tal como foi na Câmara e Senado. Porém os governos do Rio e ES já têm ações prontas para impetrar no Supremo Tribunal Federal na tentativa de reverter a decisão.

1 comment

  • João Cirino Gomes

    Vorazes, feito piranhas!

    De que adianta Royalties?

    A já sei é para educação?

    E as verbas que deveriam ser para educação para onde foram?

    É para o mesmo lugar que vão os Royalties, bolso de canalhas, cuecas, e paraísos fiscais!

    Até o FGTS que é do trabalhador, e deveria ser usado para construir moradias, esta sendo usado por espertalhões para construir estádios de futebol!

    Preferem que aqueles pobres coitados que moram em locais de risco, ou favelas, que desabam em época de chuva, gritem gol na hora do apuro!

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Input your search keywords and press Enter.