Now Reading:
GDF cancela compra superfaturada. MP vai investigar

GDF cancela compra superfaturada. MP vai investigar

Após denúncia da Coluna, a Secretaria de Saúde do Governo do DF decidiu cancelar ontem a compra superfaturada em mais de R$ 3,5 milhões do aparelho Lokomat Pro. No mercado, o equipamento de fisioterapia custa R$ 1 milhão, e o secretário Rafael Barbosa assinou nota de empenho de R$ 4,58 milhões em contrato sem licitação com a BioAlpha. Os senadores Cristovam Buarque (PDT-DF) e Rollemberg (PSB-DF) estudam ação junto ao MP. ‘A denúncia é grave e deve ser apurada’, diz o socialista.

Ninguém acreditou. Na Terça, a assessoria da Saúde informou que o processo não estava finalizado. Ontem enviou nota suspeita de que a compra foi cancelada dia 13 de Novembro. Sem provas.

Lupa. Ontem, a assessoria jurídica do senador Rollemberg tomou a iniciativa de preparar a ação para provocar investigação também do Tribunal de Contas do DF.

Sociais. O secretário Rafael é candidato a deputado federal. Ele é amigo do peito dos lobistas Tadeu Roriz e André Moura. Quem intermediou a compra frustrada foi Jorge Pinel.

Revolta. O deputado Izalci (PSDB-DF) subirá à tribuna para cobrar investigação. A deputada Mara Gabrilli (PSDB-SP), que se trata em aparelho similar, também exigirá lupa.

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Input your search keywords and press Enter.