Now Reading:
GDF desconfia de manobra ‘Fica, Pizzolato!’ para manter mensaleiro longe

GDF desconfia de manobra ‘Fica, Pizzolato!’ para manter mensaleiro longe

Autoridades políticas e do setor penitenciário do Governo do Distrito Federal descobriram que os antecessores, do governo Agnelo Queiroz (PT), enviaram para a Justiça da Itália fotos e vídeos das celas mais surradas da Penitenciária da Papuda, e não as reformadas da Ala dos Vulneráveis, onde ficaram os mensaleiros.

Começam a suspeitar de que foi proposital, para impedir a vinda daquele que foi o financiador do Mensalão. Foram as fotos que motivaram uma comissão italiana a baixar no Brasil atrás de outros presídios. Eles temem pela saúde e vida do mensaleiro, um cidadão italiano que ficará detido aqui.

Um brasileiro que passou por Roma há três semanas percebeu o teor dos comentários nas TVs italianas. Chamavam as celas da Papuda de ‘indignas’ e ‘desumanas’.

Condenado na Ação Penal 470 no STF, Pizzolato, que estava foragido e foi preso na Itália, aguarda decisão da Justiça daquele país para a sua extradição para o Brasil, já solicitada pelo Ministério da Justiça, para cumprir a sua pena no Brasil.

Se confirmada a sua extradição e as autoridades italianas aceitaram transferi-lo para o complexo da Papuda, em Brasília – onde os outros mensaleiros ficaram detidos – Pizzolato vai dividir cela com o ex-deputado Natan Donadon, condenado por desvio de verba pública, que cumpre regime semiaberto.

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Input your search keywords and press Enter.