Brasília -
loader-image
Brasília, BR
10:28 am,
temperature icon 21°C
céu limpo
Humidity 64 %
Wind Gust: 0 Km/h
21 de junho de 2024 - 10:28h
Parceiros
Brasília - 21 de junho de 2024 - 10:28h
loader-image
Brasília, BR
10:28 am,
temperature icon 21°C
céu limpo
Humidity 64 %
Wind Gust: 0 Km/h
Parceiros

Governo vai prorrogar o Cadastro Ambiental Rural

#compartilhe
Foto: amazonia.org.br
Foto: amazonia.org.br

O governo pretende prorrogar o Cadastro Ambiental Rural (CAR) por mais um ano, até maio de 2016. Embora isso esteja previsto desde o lançamento do CAR, o governo aguardava os dados consolidados para decidir.

As ministras do Meio Ambiente e da Agricultura, Izabella Teixeira e Kátia Abreu, respectivamente, estudam como será a prorrogação: se ampla e geral, se pelo tamanho das propriedades ou por territórios.

Há Estados avançados nos registros, como Distrito Federal, Mato Grosso, Acre, Amazonas e Tocantins, e outros muito atrasados, em especial na região Nordeste, como Alagoas, Ceará e Pernambuco.

Alguns dados surpreenderam os técnicos do ministério. No Sul, o Rio Grande do Sul tem apenas 1% das áreas cadastradas. Com a maior área de florestas, a região Norte está bastante avançada, com 65% do território cadastrado. O Centro-Oeste contabiliza mais da metade. O Mato Grosso, terra da soja, tem praticamente 99%.

O cadastro é realizado através do site do ministério, e depende principalmente do suporte das secretarias estaduais. Em parceria com a Universidade de Lavras (MG), o ministério lançou ano passado o CapCar, um curso online para produtores rurais, que ensina a registrar o CAR no site, e já formou 30 mil pessoas.

MADEIRA LEGAL

A despeito do CAR, a ministra Izabella Teixeira incluiu meta de 2 milhões de hectares para concessão de florestas públicas até fim ano que vem.

Este é o destaque da Coluna de hoje. Leia a íntegra no site Opinião e Notícia ou no UOL durante o dia

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.