Now Reading:
Julgamento de argentinos presos na Copa abre crise diplomática

Julgamento de argentinos presos na Copa abre crise diplomática

Um Brasil x Argentina, desta vez no campo judicial, gerou uma nova guerra entre os dois países.

A prisão de dois torcedores argentinos que brigaram com brasileiros num jogo da Copa em Brasília abriu crise diplomática sem precedentes entre os países.

A dupla foi detida após espancar um perito da Polícia Civil e um servidor público na arquibancada durante o jogo Argentina x Bélgica pela Semifinal.

Alberto Criscenti, 43 anos, e Emiliano Rios Duda, 36, estão detidos na Penitenciária da Papuda desde o dia 5 de Julho e serão ouvidos pela Justiça do DF dia 1º de agosto.

A Argentina considera o caso como abuso. O Primeiro-Secretário do Consulado, Gabriel Herrera, diz que é ‘um exagero inédito’, porque outras brigas em estádios foram resolvidas nos Juizados Especiais.

MALDADE

Emiliano e Alberto foram indiciados por tentativa de homicídio. Segundo a denúncia no TJDFT, por depoimento de testemunhas, eles chutaram muito uma das vítimas até desacordada.

A Justiça do DF manteve a prisão preventiva da dupla por considerar o crime muito mais violento do que outras brigas ocorridas durante a Copa.

OUTRO LADO

Mas para o Consulado, ‘não tem sentido nenhum ter iniciado uma ação penal na Justiça do DF (..), baseada numa qualificação dos fatos exagerada e inadmissível’.

O Consulado ainda indica que há corporativismo na denúncia, na prisão e no julgamento, por uma das vítimas se tratar de um perito da Polícia Civil.

Os argentinos são defendidos por dois advogados acionados pelo Consulado.

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Input your search keywords and press Enter.