Now Reading:
MEC paga professores das federais mesmo sem aulas

MEC paga professores das federais mesmo sem aulas

Reitores de federais têm avisado a contatos, discretamente, que o ano letivo nas universidades já era. Cursos retomam a grade integral em agosto ou setembro, mas para planejar o calendário de aulas de 2021.

A despeito disso, o corpo docente continua a receber o salário em dia, mesmo sem planejamento de retomada ou realização de aulas online. Consultado, o Ministério da Educação confirma o pagamento dos salários nas federais desde março, quando começou o confinamento por causa da pandemia do coronavírus e as aulas foram suspensas.

Avisa que as universidades não estão paralisadas, porque há atividades extracurriculares, mas não tem como monitorar.

A Coluna questionou a UFMG, UnB, UFRJ, USP sobre as aulas. Todas estão suspensas e somente a paulistana indicou que as aulas de pós-graduação são ministradas online.

“A UFMG está com aulas suspensas desde o dia 18 de março, sem adoção de aulas a distância. Neste período, têm sido ofertadas atividades extra-curriculares”, informa a federal.

Na UFRJ, a assessoria afirma que a “Reitoria está fazendo pesquisa junto à comunidade universitária sobre acesso a recursos remotos”. E que um “grupo estuda questões relacionadas a calendário acadêmico”.

Em Brasília, a UnB cravou que suspendeu o calendário acadêmico do 1º Semestre deste ano. “Isso inclui atividades presenciais e on-line”.

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Input your search keywords and press Enter.