Now Reading:
O Sistema em xeque

O ex-presidente FHC criou o precedente com Gilmar Mendes. Lula da Silva cravou lá o Dias Toffoli.

Chegou a vez de Michel Temer ter um ‘chegado’ seu na Corte Suprema. Os dois casos dos seus antecessores na indicação de ministros do Executivo para o STF respaldaram a decisão de Temer na escolha de Alexandre de Moraes, titular da Justiça, para a vaga de Teori Zavascki.

O sistema do Brasil segue a linha dos Estados Unidos. Mas Peru e Guatemala, por exemplo, têm um modelo de escolha por conselho de notáveis do Judiciário e de entidades da sociedade, sem passar por decisão política.

1 comment

  • Ninguém protestou quando foi indicado o Dias Toffoli. Ele nunca escreveu uma única linha de um livro, nunca consegiu passar em um concurso para Juíz; nunca foi isento politicamente, era contratado pelo pt; estava com Zé Dirceu, quando estourou o caso dos Correios e mensalão. Por fim não havia qualificação jurídica para assumir, mas assumiu, e nunca se iseentou em julgar colegas do pt, mas pelo contrario opinou sempre a favor. Então, em relação ao Alexandre, deixa ele assumir e pare com esse mimimi.

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Input your search keywords and press Enter.