Brasília -
loader-image
Brasília, BR
12:58 am,
temperature icon 21°C
céu limpo
Humidity 88 %
Wind Gust: 0 Km/h
16 de abril de 2024 - 0:58h
Parceiros
Brasília - 16 de abril de 2024 - 0:58h
loader-image
Brasília, BR
12:58 am,
temperature icon 21°C
céu limpo
Humidity 88 %
Wind Gust: 0 Km/h
Parceiros

Pais alegam descaso do GDF em tratamento de saúde da filha 

Foto: Reprodução/Daniela Vasconcelos
#compartilhe

Uma família de Brasília acusa o Governo Federal de descaso em relação à saúde de sua filha. A jovem Brenda de Souza Oliveira, de 20 anos, tem paralisia cerebral e é uma paciente acamada. A mãe, Danielle de Souza Vasconcelos, conseguiu através de uma decisão judicial que o Governo arcasse com as despesas do Home Care desde 2018, mas a empresa não recebe os repasses há dois anos. A dívida se encontra hoje no valor de R$285.936,36. 

Na tarde de quarta (21), Brenda foi levada ao hospital pelo Home Care para um procedimento padrão. Ao receber alta, Daniella ligou para a ambulância, mas foi informada que a empresa não tinha autorização para buscá-las. A médica que atendeu a jovem, retornou ao hospital, reverteu a alta e solicitou a internação para que a jovem pudesse ficar no local. Brenda recebeu hoje (22) alimentação e a medicação necessária – que deveria ter sido tomada no dia anterior. 

Daniella, que já passou por outras situações de descaso com a filha por falta de pagamento por parte do Governo, em depoimento à Coluna relata: “Nesses últimos 20 anos de trajetória com a minha filha, eu nunca passei pela humilhação, frio, fome e falta de respeito e compaixão que passei ontem. É desumano que a Secretária de Saúde não entenda o quadro da Brenda e tente resolver o caso o quanto antes. Mas ao retornar na Defensoria, se eu tiver alguma portinha onde eu possa entrar com alguma ação contra o governo, eu vou entrar, porque chega de descaso. É insustentável o que eu estou passando com ela. E em relação à empresa, independente do financeiro, faltou sensibilidade da parte deles. Faltou eles serem humanos”. 

Por Carol Purificação, com informações do Metrópoles

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.