Brasília -
loader-image
Brasília, BR
12:37 am,
temperature icon 16°C
céu limpo
Humidity 72 %
Wind Gust: 0 Km/h
24 de junho de 2024 - 0:37h
Parceiros
Brasília - 24 de junho de 2024 - 0:37h
loader-image
Brasília, BR
12:37 am,
temperature icon 16°C
céu limpo
Humidity 72 %
Wind Gust: 0 Km/h
Parceiros

Pesquisas eleitorais motivam debandada nos Estados

#compartilhe

Desdenhadas por candidatos a presidente muitas vezes, as pesquisas eleitorais ganharam muita atenção das cúpulas de partidos e marqueteiros este ano.

A eleição pode ser sui generis e as sondagens têm causado escancaradas debandadas e traições de tratos feitos meses atrás.

Com Fernando Pimentel (PT) à frente para o governo de Minas, 18 prefeitos do PR – fechados com Pimenta da Veiga (PSDB), o candidato do presidenciável Aécio Neves – foram liberados para apoiar o petista.

No Paraná, Gleisi Hoffmann, em desvantagem clara, mal usa a imagem da presidente Dilma na TV e materiais de campanha.

Em Goiás, o governador Marconi Perilo (PSDB), que disputa a reeleição, não faz campanha para Aécio Neves. No Rio, há debandada gradativa e velada de petistas e peemedebistas para o palanque de Garotinho (PR).

MAGOOU 

Marconi não esquece que Aécio o abandonou à sorte na CPI do Cachoeira. O governador estranhou o silêncio do aliado tucano, e tentou várias audiências, em vão. Nem ligações conseguia fazer.

QUEM MANDA

A debandada dos 18 do PR em Minas foi autorizada pelo deputado federal Bernardo Figueiredo, padrinho dos alcaides. Oficialmente, o PR ainda apoia Pimenta.

Leia a íntegra da Coluna aqui

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.