Now Reading:
Polêmica: contra aborto, Projeto de Bolsonaro proíbe atendimento a mulher em hospital

Polêmica: contra aborto, Projeto de Bolsonaro proíbe atendimento a mulher em hospital

O candidato à Presidência pelo PSL, Jair Bolsonaro, assina com outros 12 deputados a autoria do PL 6055/13 que impede o SUS de atender integral e obrigatoriamente mulheres e vítimas de abuso sexual. Lei sancionada pela ex-presidente Dilma em 2013.

A proposta permanece paralisada na Mesa Diretora. Dados do Atlas da Violência de 2018 revelaram aumento de notificações de casos de estupro. Entre 2001 e 2016, o crescimento foi de 90,2%. A assessoria de Bolsonaro não respondeu a Coluna.

Na justificativa do projeto, Bolsonaro e deputados que assinaram alegam que a lei, como está sancionada, abre brechas para o aborto na rede pública, o que seria contra a lei, de acordo com a visão jurídica do grupo.

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Input your search keywords and press Enter.