Now Reading:
Recusa de Gurgel incentivou operação Monte Carlo

Recusa de Gurgel incentivou operação Monte Carlo

Da coluna desta quinta, 10

Atualização, Sexta, 10h05 – Os delegados da Polícia Federal das operações Vegas (2009) e Monte Carlo (2012) estão possessos com o procurador-geral da República, Roberto Gurgel. Foi depois da recusa de Gurgel de enviar ao STF o inquérito da Vegas, há dois anos, que a PF resolveu entrar a fundo em nova fase da investigação que resultou na Monte Carlo, e descobriu mais tentáculos políticos de Carlinhos Cachoeira. Sob sigilo absoluto, a PF montou um QG na sede do Instituto Chico Mendes, no Setor Sudoeste em Brasília, e finalizou a Monte Carlo.

O delegado Raul Marques, na CPI, disse que Gurgel engavetou o inquérito. E que sua mulher, a subprocuradora Cláudia Sampaio, foi quem deu o recado de que seguraria.

Agora, tanto base e oposição querem convocar Gurgel para perguntar por que ele segurou o inquérito. Se tem a ver com Demóstenes Torres e ligações com o STF.

Embora alguns jornais e jornalistas tenham dito ontem e nesta sexta que uma operação não tem ligação com a outra, a coluna mantém o publicado.

Leia a íntegra da coluna nos jornais (ao lado)


Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Input your search keywords and press Enter.