Now Reading:
Reunião de presidentes no México evita mercado ilegal e crime organizado

Reunião de presidentes no México evita mercado ilegal e crime organizado

A participação do presidente Michel Temer na reunião de presidentes do Mercosul e da Aliança do Pacífico, em Puerto Vallarta, deveria conter um item fundamental na pauta: a conexão entre o mercado ilegal, em especial o contrabando paraguaio, e a violência que avança no Cone Sul e no Brasil.

Os serviços secretos dos países participantes sabem que PCC e o Comando Vermelho são abastecidos pelo dinheiro gerado por esse mercado, que ajuda a financiar o tráfico de drogas, armas e munições na região.

Horácio Cartes, presidente do Paraguai e dono do Eight, cigarro contrabandeado que já e líder no Brasil com 13% do mercado, não deverá participar do evento. Ele deixa o poder na próxima terça-feira. E fez o sucessor, Mario Abdo.

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Input your search keywords and press Enter.