Brasília -
loader-image
Brasília, BR
4:16 am,
temperature icon 20°C
chuva leve
Humidity 88 %
Wind Gust: 0 Km/h
16 de abril de 2024 - 4:16h
Parceiros
Brasília - 16 de abril de 2024 - 4:16h
loader-image
Brasília, BR
4:16 am,
temperature icon 20°C
chuva leve
Humidity 88 %
Wind Gust: 0 Km/h
Parceiros

TCU põe o dedo na tomada

#compartilhe

O Tribunal de Contas da União está prestes a comprar briga com toda a população. Sem alarde, na véspera do feriado de Finados, a corte deu seguimento à votação do processo que determina a devolução de R$ 7 bilhões aos consumidores, cobrados a mais na conta de luz. Em 2008, o relator Benjamim Zymler deu parecer pela devolução. Este ano, Valmir Campelo foi o único a favor. Curiosamente outros quatro agora entendem que o TCU não tem autonomia para julgar o caso. Dois deles tem laços com o setor elétrico.

SÓ PARA LEMBRAR. Egresso do Senado, Carreiro foi apadrinhado no TCU pelo grupo de Sarney, que domina o setor elétrico há anos. José Jorge foi ministro e presidente da CEB de Brasília.

SÓ PARA REGISTRAR. O conterrâneo José Múcio já foi aliado do governo de Pernambuco, que controlou a CELPE, da Neoenergia – na mira da devolução. Ana Arraes é mãe do atual governador.

CENÁRIO. Votaram contra a devolução Raimundo Carreiro, José Jorge, Haroldo Cedraz e José Múcio. Faltam votar Ana Arraes, Augusto Nardes, Walton Alencar e Zymler.

CHOQUE. A ANEEL reconhecera o erro de cálculo em 2008, mas recuou dois anos depois com justificativa de que a revisão não poderia ser retroativa. As distribuidoras festejaram.

Leia a íntegra da coluna nos jornais (ao lado)

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.